IASB - Instituto das Águas da Serra da Bodoquena
(67) 3255-1920
iasb@iasb.org.br
Acesso rápido
Instituto das Águas da Serra da Bodoquena
27/02/2013 - 17:34
Projeto Ilhas Verdes
Com duração de 24 meses o projeto teve por finalidade pesquisar uma metodologia com princípio de reduzir a necessidade de manutenção do capim braquiária.
Ilhas Verdes
Arquivos IASB
Arquivos IASB
Projeto Ilhas Verdes - Recuperação Florestal
Arquivos IASB
Projeto Ilhas Verdes - Recuperação Florestal
Projeto Ilhas Verdes - Educação Ambiental
Na quarta edição do Programa Petrobras Ambiental, promovida pela empresa Petróleo Brasileiro SA – Petrobras em 2010, o Instituto das Águas da Serra da Bodoquena – IASB  através do Projeto Ilhas Verdes, foi uma das duas instituições com projetos aprovados no Mato Grosso do Sul.

O Projeto Ilhas Verdes foi um projeto demonstrativo desenvolvido no município de Bonito/MS, com a finalidade de pesquisar uma metodologia que tem como princípio reduzir a necessidade de manutenção do capim braquiária nas áreas plantadas.

Desenvolvido pelo IASB entre janeiro de 2011 a dezembro de 2012, teve duração de 24 meses, atuando em 7 áreas distintas localizadas em 3 microbacias: Rio Mimoso, Córrego Barranco e Córrego Bonito.

Ações como coleta de sementes, produção de mudas, monitoramento, reunião com produtores, realização de dias de campo, palestras, oficinas e eventos públicos de Educação Ambiental também foram fortemente promovidas e estimuladas pelo projeto, envolvendo diversas famílias, professores, alunos, produtores rurais e empresários. Todas as atividades tiveram a intenção de semear o conceito de conservação da natureza e do desenvolvimento sustentável aos participantes .


Ilhas Verdes
O plantio em ilhas é uma metodologia de recuperação florestal inserida no conceito de nucleação. 

O termo “Ilhas Verdes” foi adotado durante a execução de um projeto de recuperação florestal, que recebe este mesmo nome, realizado no município de Bonito/MS. Este projeto fez uma adaptação na metodologia do plantio em ilhas acrescentando não só mudas no processo, mas também sementes de espécies nativas de diferentes estratos vegetais (espécies herbáceas, arbustivas e arbóreas).

Com esta adaptação, a capacidade de expansão do núcleo aumentou ainda mais. O grupo formado pelas plantas e sementes tende a favorecer as mudas centrais para o crescimento em altura e as laterais para o desenvolvimento de ramificações.  

Além disso, as ilhas verdes também prezam pela diminuição da manutenção dos plantios. O capim demora a nascer próximo a muda, permitindo que as manutenções sejam feitas a cada 5 ou 6 meses pelo menos.

Ao todo foram implantadas 200 ilhas, onde foi possível realizar o plantio de 2.329 mudas e mais de 30 kg de sementes para a recuperação de 6 hectares de mata ciliar. Também se constatou o desenvolvimento de pelo menos 800 mudas germinadas a partir de sementes introduzidas nas áreas.

Em breve no site do IASB no módulo Projetos serão disponibilizadas maiores informações sobre o Projetos Ilhas Verdes.

Por enquanto, conheça as publicações que o projeto fez ao longo dos 24 meses de sua realização:


Gostou? Compartilhe!
últimas notícias

Loja
Seja voluntário
Calculadora
Siga-nos no Facebook
Instituto das Águas da Serra da Bodoquena - IASB
Rua 24 de Fevereiro, 1507
Centro - Bonito / MS
CEP: 79290-000
iasb@iasb.org.br
(67) 3255-1920
Redes Sociais